Depois de quase 18 anos sem vencer em Anfield, o Manchester City goleou o Liverpool por 4-1, na primeira vitória em casa dos 'reds' desde maio de 2003.

Com três portugueses no onze inicial (Cancelo, Rúben Dias, Bernardo Silva), o Manchester City teve a primeira oportunidade flagrante do jogo.

Aos 36 minutos, Fabinho derrubou Sterling na grande área, 'dando' uma grande penalidade aos 'citizens' aos 36 minutos. Mas Gundogan, chamado a converter, falhou completamente o alvo e o nulo seguiu para o intervalo.

Contudo, a segunda parte trouxe a redenção do médio alemão de 30 anos que aos 49 minutos, após uma primeira defesa de Alisson ao remate de Foden, aproveitou e rematou para o primeiro da partida.

 

Os 'reds' chegaram ao empate à passagem do minuto 63, fruto de falta de Rúben Dias. O defesa português agarrou Salah e travou o egípcio no interior da grande área, com o Liverpool a ter direito à segunda grande penalidade do jogo. Salah, na mesma baliza onde o City tinha falhado, mostrou um tiro mais calibrado e retomou a igualdade no marcador.  

A vantagem dos 'reds' durou 10 minutos, quando Gundogan, aos 73', voltou a 'molhar a sopa' após passe de Foden. Alisson não ficou nada bem na fotografia, com um alívio de bola que acabou nos pés do inglês que assistiu para o segundo.

Três minutos depois, o Manchester City voltou a marcar quando Alisson volta a errar e acaba por passar diretamente para os pés de Bernardo Silva que pica a bola sobre o guardião dos 'reds' para assistir Sterling para o 1-3.

Se as coisas já estavam más para o Liverpool, que estava a caminho da terceira derrota consecutiva em casa, tudo piorou quando, aos 83 minutos, Foden, com um grande trabalho individual, 'invadiu' a grande área do emblema de Anfield e com um autentico tiro fez o quarto dos 'citizens'.

Foi a 14.ª vitória consecutiva do Manchester City em todas as competições, uma vitória que deixa os 'citizens' com 50 pontos na liderança da Premier League, com um jogo em atraso, face aos restantes cinco primeiros classificados.

Com o empate do Manchester United na última noite, os 'citizens' cavam um fosso de cinco pontos para os 'red devils'.

Já o Liverpool, o ainda campeão inglês, fica a 10 pontos da liderança da Premier League e soma a segunda derrota consecutiva, a quinta na Liga Inglesa.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.