Em entrevista à Sky Sports, Cristiano Ronaldo foi questionado sobre o final da carreira e reafirmou que está ainda longe desse ponto. "Mas porquê? Penso que ainda não chegou a minha hora", disse o craque português do Manchester United.

"Não é o que as pessoas querem, é o que eu quero. "Quando não me sentir capaz de correr, driblar, rematar, quando ficar sem força...Ainda tenho isso, por isso quero continuar, ainda me sinto motivado", afirmou.

"Essa é a palavra, motivado. Motivado para fazer as minhas coisas, para fazer as pessoas felizes, a minha família feliz, os fãs e a mim próprio", prosseguiu.

"Fala-se de Portugal mas na Liga dos Campeões eu tenho mais golos, mais vitórias, assistências (...) tudo. Quero continuar. Gosto de jogar futebol. Sinto-me bem a fazer as pessoas felizes", finalizou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.