O treinador-adjunto da seleção inglesa de futebol Sammy Lee deixou o seu cargo, após o treinador principal, Gareth Southgate, ter exigido criar uma equipa técnica nova, anunciou hoje a federação de Inglaterra.

“Senti que era importante para mim fazer a minha própria equipa técnica. Sammy respeitou isso. Trabalhei com ele enquanto jogador. A sua personalidade e o seu profissionalismo foram excelentes durante o meu período como técnico interino”, disse Southgate, em nota de imprensa.

Lee, antigo médio do Liverpool, de 57 anos, chegou à seleção inglesa pelas mãos de Sam Allardyce, cujo mandato durou apenas 67 dias, depois de ter sido apanhado num escândalo que envolvia o sistema de transferências em Inglaterra.

Sammy Lee trabalhou com Southgate, enquanto interino, durante um período de quatro jogos, mas agora, com um contrato de quatro anos, o técnico inglês quer contar com Steve Holland, atualmente um dos adjuntos de Antonio Conte no Chelsea, para ser seu número dois.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.