Os ingleses do Arsenal anunciaram no final do passado mês de novembro a saída de Unai Emery do comando técnico da equipa, um dia depois da derrota frente ao Eintracht Frankfurt na Liga Europa.

Através de um comunicado divulgado no site oficial do clube, os 'gunners' explicaram que o despedimento de Unai Emery estaria ligado ao facto de "os resultados e exibições da equipa não estarem ao nível exigido". No entanto, o treinador espanhol veio agora fazer uma revelação insólita.

Numa entrevista para o canal de Youtube de Guillem Balague, Unai Emery admitiu que, antes de ser despedido, chegou a discutir uma possível renovação com o Arsenal e que ficou surpreendido com a rescisão do contrato.

"Às vezes éramos uma equipa que brilhava, mas éramos mais uma equipa eficaz e competitiva. Tinha a sensação, e também o clube, do que o trabalho da temporada anterior era valorizado. Estávamos a estudar como poderíamos continuar a crescer juntos, mesmo ao ponto em que me estavam a tentar oferecer-me uma renovação do meu contrato", revelou o treinador espanhol.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.