O futebolista costa-marfinense Yaya Touré pediu esta sexta-feira desculpas ao Manchester City pelos “mal-entendidos do passado”, garantindo que quer continuar a “ajudar a equipa a ter mais êxitos no futuro”.

Pep Guardiola, treinador do City, tinha deixado claro que o médio não voltaria a jogar na primeira equipa se o seu empresário, Dimitri Seluk, não pedisse desculpa pelas críticas que fez face à ausência do jogador na lista da ‘Champions’.

Em comunicado, na sua página oficial, o futebolista, de 33 anos, pede desculpas em seu nome, mas também em nome do empresário que o representa.

“Da minha parte e de todos os que me representam, quero pedir perdão à equipa técnica e a todos os trabalhadores do clube pelos mal-entendidos do passado”, disse, esclarecendo que as declarações feitas não representam o que pensa.

Touré acrescentou ter “muito respeito pelo Manchester City” e que só quer o melhor para a equipa, mantendo a vontade de ajudá-la a conseguir bons resultados.

O médio, nomeado quatro vezes para melhor futebolista africano do ano, marcou 75 golos em 267 jogos pelo Manchester City, desde a sua contratação em 2010, proveniente do FC Barcelona.

No clube inglês conquistou dois campeonatos (2011/12 e 2013/14), uma Taça de Inglaterra (2010/11) e duas Taças da Liga (2013/14 e 2015/16).

Esta temporada o jogador alinhou apenas no jogo do ‘play off’ da Liga dos Campeões (vitória por 1-0 frente ao Steaua Bucareste).

Desde então nunca mais jogou, sobretudo depois de o seu empresário ter dito que Guardiola “humilhou” Yaya Touré ao não inscrevê-lo na Liga dos Campeões, levando o técnico a responder que o futebolista não voltaria a jogar se Dimitri Seluk não pedisse desculpa.

“Como treinador não posso aceitar isto. Quando um futebolista não joga não pode ir para a imprensa falar, falar e falar”, referiu na ocasião o treinador espanhol.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.