O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol abriu um processo disciplinar ao FC Porto por alegados insultos racistas dirigidos a Abdu Conté, jogador do Moreirense.

O caso remonta à partida entre as duas equipas em janeiro último, em Moreira de Cónegos, na qual terão sido proferidos insultos racistas por adeptos dos 'azuis e brancos' quando o lateral esquerdo cometeu penálti sobre Corona.

Os árbitros e os delegados da Liga nada mencionaram nos respetivos relatórios, mas as forças de autoridade presentes no Estádio Comendador Joaquim de Almeida Freitas relataram a existência de insultos racistas tendo como alvo o defesa do Moreirense.

O processo aberto pelo Conselho de Disciplina está agora na Comissão de Instrutores da Liga, que já começou a ouvir algumas testemunhas a propósito do incidente.

Nesse sentido, indica o jornal A Bola, Abdu Conté garantiu que não foi alvo de impropérios por parte dos adeptos do FC Porto.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.