De acordo com o diário O Jogo, o avançado portista foi atingido com violência na cabeça, sofrendo mesmo um forte traumatismo craniano que o obrigou a ser transferido do Hospital da Póvoa de Varzim para o Hospital de Santo António, no Porto.

O avançado do FC Porto teve alta ao princípio da tarde de ontem, tendo sofrido escoriações no braço direito e na zona do tronco. Apenas as pernas do jogador escaparam às agressões.

Recorde-se que Adriano, que tem contrato com o FC Porto até 2010, treina há vários meses afastado do grupo, recusando-se a aceitar as propostas de transferência para outros clubes.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.