Este domingo, o Benfica procura vencer na casa do Moreirense para afastar a nuvem dos maus resultados que ainda paira na memória dos adeptos encarnados.

Os homens de Jorge Jesus chegam a este encontro depois de duas vitórias consecutivas: frente ao Famalicão, por 2-0, na 17ª jornada do campeonato nacional e frente ao Estoril Praia, por 2-1, na primeira mão das meias-finais da Taça de Portugal.

Na I Liga, os encarnados ocupam agora o 4º lugar da tabela com 37 pontos, os mesmos que o Sporting de Braga e menos nove que o líder Sporting.

Do outro lado, o Moreirense chega a esta partida também após duas vitórias: frente ao Famalicão, por 2-0, na 16ª ronda do campeonato nacional e frente ao Farense, por 2-1, na jornada seguinte.

Na classificação, os homens de Moreira de Cónegos estão em 8º lugar com 24 pontos.

Em relação às equipas que se vão apresentar a jogo, no Benfica, Jorge Jesus não pode contar com André Almeida nem com Jardel, ambos lesionados. Já Luca Waldschimdt está em dúvida.

Do lado do Moreirense, Pedro Amador, Pedro Nuno, Sori Mané, Matheus Silva e Felipe Nunes estão indisponíveis por lesão. Steven Vitória e Alex Soares estão de fora do encontro por acumulação de cartões amarelos.

Histórico de confrontos

Benfica e Moreirense já se encontraram em 28 ocasiões - 21 na I Liga, três na Taça de Portugal e quatro na Taça da Liga. No conjunto dos embates, os encarnados somam 22 vitórias (79%), quatro empates (14%) e duas derrotas (7%).

Olhando apenas para os 14 encontros disputados no reduto do Moreirense, o Benfica leva 13 vitórias (93%) e um empate (7%), ou seja, os encarnados nunca perderam em Moreira de Cónegos.

Nos últimos dez encontros entre Benfica e Moreirense, os encarnados venceram sete deles. Registou-se ainda um empate, na temporada passada, por 1-1, no Estádio da Luz à 23ª jornada, e duas vitórias do Moreirense: nas meias-finais da Taça da Liga 2016/2017 (que o clube acabaria por conquistar) e na 9ª ronda da época 2018/2019.

O que dizem os treinadores

Vasco Seabra, treinador do Moreirense: "Só estando ao nosso melhor, com união, ambição e querer, a coesão que temos demonstrado ultimamente, é que podemos somar pontos. Vamos ter de vestir o fato de macaco, mas também queremos vestir o fato de gala. Queremos produzir o que nos é visível em termos ofensivos, mas sempre com exigência máxima do ponto de vista defensivo. É um excelente adversário, mas tem sempre a ver com o que podemos fazer como equipa".

Jorge Jesus , treinador do Benfica: "O Moreirense é uma equipa que vem de bons resultados e está a demonstrar que está em crescimento. Vamos ter um jogo difícil, mas também sentimos que estamos a melhorar e que já somos uma equipa com outra capacidade física, muito mais competitiva e com mais intensidade. É visível nos treinos e agora nos jogos. Vamos ter um Benfica dentro daquilo que mostrámos contra o Estoril, muito mais agressivos e com muito mais velocidade tanto a defender como a atacar."

Arbitragem

Manuel Oliveira foi o árbitro nomeado para o encontro em Moreira de Cónegos e vai ser auxiliado por Tiago Leandro e Nélson Cunha, enquanto Cláudio Pereira será o quarto árbitro.

O VAR fica a cargo de Fábio Melo, auxiliado por Rui Licínio.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.