A atravessar a sua melhor sequência de resultados da temporada, com cinco triunfos nos últimos cinco jogos, o Sporting recebe este sábado à noite, a partir das 21h15, no Estádio José Alvalade, um V.Guimarães que só perdeu um dos últimos 11 jogos que disputou no conjunto de todas as competições e que há muito não vence no terreno dos 'leões'.

Os atuais campeões nacionais, que à entrada para esta ronda ocupam o 2.º lugar da classificação, com 23 pontos, em igualdade pontual com o FC Porto e a um ponto do líder, Benfica, vão entrar em campo já a saber o resultado dos rivais, enquanto o V.Guimarães parte para esta jornada no 7.º lugar, com 13 pontos.

Histórico de encontros: domínio do Sporting e V.Guimarães nada feliz em Alvalade nos últimos tempos

Ao todo, Sporting e V.Guimarães já mediram forças em 166 ocasiões no conjunto de todas as competições e a vantagem dos 'leões' é clara: 105 vitórias e apenas 25 derrotas. Uma superioridade que se tem evidenciado nos últimos anos, com os vimaranenses a registarem apenas um triunfo nos últimos 14 jogos entre os dois clubes. Foi em 2018, no Estádio D.Afonso Henriques, quando um golo solitário Tozé valeu uma vitória aos de Guimarães, então treinados por Luís Castro, sobre o Sporting de Marcel Keizer.

Em jogos disputados em Alvalade, a superioridade do Sporting é ainda mais evidente nos confrontos com o V.Guimarães. Em 81 jogos, os 'verdes e brancos' levaram a melhor em 62 e perderam apenas 7, tendo-se registado 12 empates. Na época passada, o Sporting venceu por 1-0, graças a um golo de Gonçalo Inácio à beira do intervalo.

Foi a quarta vitória seguida do Sporting em receções ao V.Guimarães e a sétima nos últimos oito jogos entre os dois emblemas no Estádio José Alvalade, com um empate pelo meio.

Efetivamente, os 'conquistadores' não triunfam no terreno do Sporting há mais de dez anos, mais precisamente desde novembro de 2010. Os 'leões', então orientados por Paulo Sérgio, chegaram a estar a vencer por 2-0 (golos de Hélder Postiga e Simon Vuckcevic) e pareciam caminhar para um triunfo tranquilo até ao momento em que Maniche viu o cartão vermelho direto, aos 72 minutos. A partir daí, nos 15 minutos finais, o V.Guimarães (treinado por Manuel Machado) marcou por três vezes (Tiago Targino bisou antes de Bruno Teles selar o triunfo) e ganhou por 3-2. Desde então, não mais os vimaranenses voltaram a levar a melhor no covil do leão.

Momento de forma: Sporting à procura de 'meter a sexta', V.Guimarães ainda não perdeu fora esta época

As duas equipas atravessam uma boa série de resultados. O Sporting não perde desde o final de setembro no conjunto de todas as competições, quando saiu derrotado da visita a Dortmund, e desde então somou, pela primeira vez esta época, cinco vitórias consecutivas. Se o Sporting vencer, este sábado, o V.Guimarães, somará seis vitórias seguidas pela primeira vez desde Fevereiro.

Para a I Liga, o Sporting não perde desde a penúltima jornada da temporada passada (quando, já campeão, foi derrotado por 4-3 a visita ao Benfica), mas não vence um jogo na prova por mais do que um golo de diferença há seis encontros. A jogar em casa, para a I Liga, o Sporting não perde há 31 jogos, desde que se viu derrotado também pelo Benfica a 27 de janeiro de 2020.

Já o V.Guimarães vem de um empate a meio da semana frente, precisamente, ao Benfica, para a Taça da Liga, e antes tinha somado três vitórias consecutivas (duas para a I Liga e uma para a Taça de Portugal). Quer isto dizer que os pupilos de Pepa não conhecem o sabor da derrota há quatro jogos. Além disso, nos últimos 11 jogos que disputaram no conjunto de todas as competições só sofreram um desaire (igualmente ante o Benfica, para a I Liga, no final de setembro).

Fora de portas, esta temporada, o V.Guimarães ainda não sabe o que é perder. Nas sete deslocações que fez esta época até à data no conjunto de todas as competições, somou três empates e quatro vitórias, tendo vencido os últimos três encontros que disputou fora.

O que dizem os treinadores

Rúben Amorim, treinador do Sporting

"A pressão está do lado do Sporting. Vem a Alvalade num bom momento. São muito fortes a atacar, são bem trabalhados. Quando se pressiona alto e se ataca muito é difícil. Tem vários jogadores que pode apresentar na frente. O Rochinha e o Edwards mudam de lados, o Quaresma joga mais aberto. Há incerteza nos jogadores mas conhecemos bem a forma de jogar. Um treinador que trouxe algumas coisas do Paços e os perigos surgem da equipa em si e no bom momento. Se o V. Guimarães perder em Alvalade não será problema. Ao contrário será um problema para o Sporting."

Pepa, treinador do V.Guimarães

"Não queremos ir ver o que o jogo dá. Queremos divertir-nos em campo, ser iguais a nós próprios. Para isso, não temos de ter receio. Quem vai com medo, perde e nós queremos ganhar. Estamos prontos a correr riscos. Acredito que vai ser um grande espetáculo de futebol".

O árbitro

O Conselho de Arbitragem da FPF nomeou Rui Costa, da AF Porto, para dirigir o encontro. Os seus assistentes serão Nuno Manso e João Bessa Silva, com Bruno Costa como 4.º árbitro. Vasco Santos estará no VAR, auxiliado por Rui Licínio.

Este será o segundo jogo da temporada do Sporting arbitrado por Rui Costa, tendo os 'leões' vencido o primeiro (2-1 em Arouca). Ao todo, Rui Costa já apitou 36 jogos do Sporting ao longo da sua carreira e o clube de Alvalade só perdeu um. Já o V.Guimarães ainda não foi arbitrado por Rui Costa esta época. Será o 38.º jogo dos vimaranenses arbitado pelo juiz portuense e o saldo é positivo: 17 vitórias e 9 derrotas (duas delas frente ao Sporting).

Sporting e V.Guimarães entram em campo este sábado, no Estádio de Alvalade, a partir das 21h15. Pode seguir aqui, AO MINUTO, todas as incidências do encontro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.