O recado foi dado e o Beira-Mar pode esperar grandes dificuldades no reduto do Olhanense, domingo, em jogo da 11ª jornada, segundo palavras do técnico do emblema algarvio.

“Queremos os três pontos, sabemos que vamos ter dificuldades, mas aqui… aqui mandamos nós”, afirmou Daúto Faquirá ao SAPO Desporto.

O técnico sabe que “vai ser mais um jogo difícil”, apesar de tudo, com um “Beira-Mar que vem de um resultado extremamente moralizador, ganhou no campo do Sporting de Braga”. Com estilos semelhantes, com as equipas a jogar de forma agressiva”, Daúto Faquirá aposta no factor casa para continuar, ao fim de 11 jornadas, a ter apenas dois jogos onde não pontuou.

Mais a norte, em Aveiro, Leonardo Jardim, espera um "jogo equilibrado entre duas equipas diferentes".

"O Olhanense tem um futebol baseado nas bolas paradas e mais directo. Já o Beira-Mar pretende contrariar esse tipo de jogo e assentar o seu futebol mais circular e apoiado", analisou o técnico da turma de Aveiro.

“O objectivo de qualquer equipa é conseguir os três pontos”, atirou.

O jogo entre o Olhanense, oitavo com 14 pontos, e o Beira-Mar , nono com os mesmos pontos, realiza-se domingo, às 16h00, no estádio José Arcanjo, em Olhão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.