A 7.ª jornada do campeonato nacional terminou na passada segunda-feira com saldo positivo para os habituais candidatos ao título.

O SL Benfica venceu o Paços de Ferreira por 4-1 no Estádio da Luz, num encontro em que o árbitro Bruno Esteves anulou um golo ao avançado paraguaio Óscar Cardozo logo aos 6' minutos. O árbitro de Setúbal considerou que o internacional paraguaio estava em fora-de-jogo na sequência de uma jogada confusa na grande área pacense. Os encarnados acabariam por golear o Paços de Ferreira num jogo onde Aimar ainda reclamou de uma grande penalidade em cima do intervalo.

Em Guimarães, o Sporting conseguiu um importante triunfo no D. Afonso Henriques pela margem mínima (0-1) garantindo o sexto triunfo consecutivo na época. Os leões marcaram cedo, por intermédio de Diego Capel, mas acabaram reduzidos a dez unidades aos 22 minutos. Numa jogada disputada entre Fito Rinaudo e Maranhão, o árbitro Bruno Paixão entendeu que houve razão para expulsar o argentino com um cartão vermelho direto. A equipa de Domingos Paciência conseguiu segurar o triunfo mas não deixou de criticar a prestação do árbitro Bruno Paixão.

O líder FC Porto goleou a Académica em Coimbra por 3-0, encerrando definitivamente um ciclo menos positivo nas competições oficiais. Os dragões vinham de três jogos sem vencer e a equipa de Vítor Pereira necessitava urgentemente de inverter o ciclo negativo. No estádio cidade de Coimbra não houve casos polémicos de arbitragem a registar.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.