O Benfica revelou esta quinta-feira o boletim clínico da equipa de Jorge Jesus, no qual revelou que o uruguaio Darwin Nuñez e o alemão Julian Weigl testaram positivo ao novo coronavírus.

O caso do internacional uruguaio tinha sido já avançado por diversos meios de comunicação daquele país, que escreveram que o avançado do Benfica foi testado quando voltou a Portugal depois dos compromissos da seleção e estaria infetado.

De frisar que, na quarta-feira, a seleção do Uruguai registou mais sete casos positivos do novo coronavírus, incluindo os futebolistas Diego Rossi e Alexis Rolín e o médico da equipa. Estes vieram juntar-se a Luis Suárez, Matías Viña e Rodrigo Muñoz que tinham testado positivo anteriormente.

Assim, Darwin Nuñez e Julian Weigl ficam de fora do encontro do Benfica com o Paredes, a contar para a Taça de Portugal.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.