Bernardo Silva deixou o Benfica em 2014 para rumar ao Mónaco, mas não esquece os tempos em que vestiu a camisola do clube da Luz.

Numa sessão de perguntas e respostas promovida pelo Manchester City, seu atual clube, o internacional português sublinhou que será "para sempre" adepto dos encarnados.

"Sempre fui e ainda sou adepto do Benfica. Comecei a jogar pelo Benfica aos sete anos e mudei-me para o Mónaco com 19. Foram 12 anos a jogar pelo Benfica, quando era mais novo o meu sonho foi sempre ser jogador do Benfica", revelou Bernardo Silva.

"Sempre tive mentalidade vencedora, sempre gostei de ganhar. A forma como o clube prepara os jogadores é muito boa", acrescentou.

O jogador, de 25 anos, salientou que Rui Costa era a sua referência, mas deixou elogios a outra lenda do clube da Luz.

"Rui Costa, português, jogou pelo Benfica e pela seleção nacional, mais ou menos a mesma posição que eu, era um jogador que eu admirava", disse Bernardo Silva, antes de falar sobre Chalana.

"Há muitas pessoas que te ajudam e das quais guardas boas memórias. Lembro-me de Chalana, um dos melhores jogadores portugueses de sempre. Quando tinha 14/15 anos ele ajudou-me muito", referiu.

"Quando era novo costumava ser capitão, foram bons tempos", concluiu, numa referência aos tempos em que era capitão dos escalões de formação.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.