O Marítimo está a três pontos de conquistar a manutenção e o próximo obstáculo é o FC Porto. Para o presidente do clube insular, seria algo para recordar a conquista de um objetivo em pleno Estádio de Dragão.

Em entrevista ao jornal A Bola, Carlos Pereira afirma que o grupo pode atingir assim um recorde na história dos maritimistas.

"Adorava garantir a mantenção no Dragão, o que significaria vencer, atingir os 30 pontos e a melhor pontuação de sempre na primeira volta. Mesmo tendo em conta as limitações orçamentais e não do plantel, que penso que está bem estruturado e tem bons jogadores para todas as posições. Era um brilharete conquistar este objetivo na primeira volta", referiu o dirigente, que sabe as dificuldades que existem para pontuar no estádio dos 'dragões'.

"Nada é impossível. Sabemos que é muito difícil, tendo em conta a forma como o FC Porto está a jogar, mas...", deixa em aberto.

"Se o Marítimo mantiver a atiude que teve com o Braga pode criar alguma surpresa. Para isso é necessário que todos estejam concentrados nesse objetivo. A percentagem de vitória é de 90 por cento para o Porto e 10 para o Marítimo".

Carlos Pereira revelou também que a massa associativa é importante para dar mais favoritismo aos 'azuis e brancos'.

"As dificuldades que vamos encontrar não têm a ver só com o valor em si do Porto, mas também do peso da massa associativa, do apoio massivo que o Porto vai ter no estádio e também a grande preocupação para manter a liderança. Mas o Marítimo nada tem a ver com isso. O Marítimo quer é manter-se nos lugares da frente".

O FC Porto recebe o Marítimo esta segunda-feira, às 21 horas, em jogo a contar para a 15ª jornada da I Liga.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.