Hoje de madrugada restavam apenas 4 500 bilhetes. Apesar da diferença pontual (11 pontos), que neste caso não conta nada, opinião partilhada por Luis Filipe Vieira e José Eduardo Bettencourt, um Sporting-Benfica é sempre o jogo mais emocionante da temporada. Anos de história, de alegrias, de lágrimas para os rivais da segunda circular.

No reduto leonino não se via uma enchente desde o jogo com o Twente, primeiro encontro da época. Depois disso, nunca mais. Agora para o encontro com os “encarnados” esperam-se acima de 45 mil espectadores. A maioria serão sportinguista e Carlos Carvalhal conta com o 12º jogador para levar de vencida um jogo que considera “importante, mas não decisivo”. Apesar de os adeptos parecerem querer fazer as pazes com o seu clube, o novo técnico não tem grande margem de manobra.

Este é também o primeiro dérbi da vida de Jorge Jesus e de Carlos Carvalhal. O técnico do Sporting disse que “este não é um duelo de treinadores”, mas aquele que o vencer sairá, certamente, em ombros.

O Sporting-Benfica, da 11ª jornada, joga-se hoje às 21:15 no estádio de Alvalade.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.