O treinador do Moreirense, Miguel Leal, assumiu hoje a necessidade de "lutar pelos três pontos" na visita ao "adversário direto" Penafiel, no domingo, em jogo da 23.ª jornada da I Liga de futebol.

"Como é um adversário que está na mesma luta, é importante ganhar os três pontos, mas se não conseguirmos, pelo menos empatar. Temos de continuar a crescer e a lutar pelo nosso objetivo [manutenção]. Jogar para ganhar é o que nós fazemos sempre", disse Miguel Leal.

Os minhotos ainda não venceram qualquer jogo na segunda volta do campeonato e em cinco encontros pontuaram apenas no empate (1-1) em casa do Rio Ave, à 21.ª jornada, mas Miguel Leal negou que o plantel esteja intranquilo.

"Com as situações que aconteceram era normal que isso se traduzisse nos resultados", referiu, referindo-se às várias saídas em janeiro e ao facto de, neste ciclo recente, ter defrontado clubes como FC Porto e Benfica.

Para vencer o atual lanterna-vermelha da I Liga que, no entanto, está "motivado", segundo Miguel Leal, depois de uma vitória (1-0) em casa do Setúbal, o técnico prometeu apresentar uma equipa "muito coesa" e "concentrada nas perdas de bola porque o adversário é forte em contra-ataque".

Sobre a polémica em volta do médio André Simões que, depois da expulsão frente ao Benfica (derrota caseira por 3-1) na última jornada, foi associado a uma publicação nas redes sociais enquanto adepto do FC Porto, Miguel Leal assegurou não ter falado sobre assunto "nem com o atleta nem no balneário", por “nada ter a ver com a dinâmica da equipa".

Quem também foi expulso no jogo com os ‘encarnados' foram os treinadores de ambas as equipas, que acabaram multados com o pagamento dos 39 euros, Miguel Leal procurou hoje sublinhar que a sua atitude "não teve nada a ver com a ação do árbitro", tendo entrado em campo para "proteger" os seus jogadores "porque a equipa está muito debilitada" e não podia arriscar mais expulsões.

"Sou a favor do espetáculo, entrei em campo para facilitar a tarefa do árbitro. Se calhar nem devia ter levado nenhuma multa financeira, mas aceito", concluiu.

Moreirense, 11.º classificado com 25 pontos, e Penafiel, que segue na última e 18.ª posição com 16 pontos, jogam no domingo, pelas 16h00, num encontro que vai arbitrado por Marco Ferreira, da Madeira.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.