O internacional jovem português e atual jogador do Vitória de Guimarães Celton Biai visitou a Guiné-Bissau para conhecer as suas raízes e impulsionar a prática do futebol junto das crianças e jovens guineenses.

Nascido em Lisboa, Celton Biai, que se formou no Benfica, é filho de pais guineenses e apenas tinha estado na Guiné-Bissau uma vez, quando tinha um ano de idade.

“Está a ser uma experiência inexplicável, estou a gostar muito, a conhecer a realidade das minhas raízes, estou a conhecer a família que ainda não tinha conhecido ou que tinha conhecido, mas não me lembrava. Está a ser uma experiência única”, afirmou Celton Biai.

O jogador falava aos jornalistas num campo de terra batida, no bairro de São Paulo, em Bissau, onde reuniu dezenas de crianças e jovens para uma sessão de treinos da academia.

Da experiência em Bissau, Celton Biai disse tirar muitas coisas, mas destacou a realidade das dificuldades que existem.

“A vontade dos miúdos, mesmo com as condições que têm, de jogar futebol. Aqui já vi que a felicidade e vontade que as pessoas têm de jogar à bola é maior do que tudo, supera qualquer dificuldade e isso é o mais importante”, disse o guarda-redes português.

Da Guiné-Bissau, Celton Biai leva também um “dos melhores momentos de futebol” que teve na sua vida.

“Aqui é totalmente diferente pelo ambiente e pelas pessoas que estão à volta. Aqui sinto a felicidade dos miúdos. É um dos melhores momentos de futebol que tive na minha vida”, afirmou, salientando que em Bissau o importante é jogar à bola e não as condições com que se joga.

Sobre o projeto da academia de futebol, Celton Biai explicou que é para ajudar as preparar os jovens para o futuro e para o caso de terem oportunidade de ir jogar em clubes europeus.

“Partilhar o nome dos guineenses pelo mundo fora é muito importante. O país é pequeno, mas é enorme nas pessoas, na forma como as pessoas são, na gratidão que as pessoas têm. Aquilo que estamos a tentar fazer é dar oportunidade ao maior número de crianças”, explicou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.