Declarações de Sebastian Coates, jogador do Sporting, autor dos dois golos dos 'leões' na vitória por 2-1 frente ao Gil Vicente.
Jogo especial: "Para mim foi um jogo muito especial. Esta semana perdi um amigo, um irmão, e foi um jogo muito complicado por isso. Tenho de dizer muito obrigado a todos os meus companheiros, que me apoiaram dentro do campo."

Reviravolta: "Era preciso ganhar, depois dos resultados dos nossos rivais. Estamos de parabéns, mas falta muito e temos de continuar, jogo a jogo. Temos de manter os pés no chão e vamos continuar assim até ao último jogo."

O amigo que Coates se refere é Santiago García, avançado uruguaio que se suicidou na semana passada. O avançado que representava o Godoy Cruz, da Argentina, foi encontrado sem vida no próprio apartamento, em Mendoza, Argentina, no dia 06 de fevereiro. De acordo com a imprensa argentina, o jogador estava receber tratamento psiquiátrico devido a uma depressão, ele que também tinha contraído COVID-19 em janeiro.

Dois golos de Sebastián Coates nos últimos 10 minutos permitiram ao Sporting vencer fora o Gil Vicente por 2-1 e colocar-se com mais oito pontos do que o FC Porto na liderança da I Liga portuguesa de futebol. O central uruguaio marcou aos 83 minutos e já nos descontos, aos 90+1, depois do japonês Kanya Fujimoto adiantar o conjunto de Barcelos, aos 37, numa reedição do jogo da primeira volta, em que o Sporting também chegou aos 80 a perder, para vencer por 3-1.

Na classificação, o Sporting, que continua invicto e só com três empates cedidos, passou a somar 48 pontos, contra 40 do campeão FC Porto, que empatou 2-2 no reduto do Sporting de Braga, terceiro, com 37, enquanto o Gil Vicente é 14.º, com 16.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.