O FC Porto venceu, este sábado, o Santa Clara por 1-0, em jogo da 30.ª jornada do campeonato português, disputado no Estádio do Dragão. Moussa Marega marcou, aos 18 minutos, o único tento numa partida em que os açorianos viram dois golos anulados por fora de jogo.

No mesmo local onde há três dias perdeu por 4-1 com o Liverpool, falhando as meias-finais da Liga dos Campeões, Pepe foi a grande ausência na equipa do FC Porto escolhida por Sérgio Conceição. O luso-brasileiro saiu do encontro europeu, da passada quarta-feira, com algumas queixas musculares. De realçar, também, a presença do camaronês Aboubakar no banco de suplentes.

O jogo começou com um golo anulado à equipa visitante. Zé Manuel ainda atira para o fundo das redes defendidas por Casillas, mas o lance já tinha sido anulado por fora-de-jogo.

Aos 18 minutos, os Dragões haviam de inaugurar o marcador. O guarda-redes Marco ainda defendeu um primeiro de Otávio, mas Marega, no sítio certo, atirou sem oposição para o fundo das redes, fazendo o nono golo do avançado no campeonato.

Já perto do intervalo, após cruzamento de João Lucas, Schettine fugiu à defesa azul-e-branca e atirou para o fundo da baliza de Casillas, mas o lance foi novamente anulado por posição irregular do avançado do Santa Clara.

Ao intervalo, foi fácil de perceber que este foi um jogo muito sensível e complicado para os azuis e brancos. A equipa não se mostrou com a disponibilidade física habitual, comentando erros técnicos básicos.

A segunda parte foi mais morna, sem golos, servindo apenas para confirmar a vitória do FC Porto, isto quando faltam quatro jornada para terminar o campeonato.

Na classificação, o ‘onze’ de Sérgio Conceição passou a somar 75 pontos, contra 72 do Benfica, que pode voltar na segunda-feira à liderança, caso triunfe na receção ao Marítimo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.