Declarações de Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, após a vitória sobre o Tondela.

Análise ao jogo: "Bom jogo interior bom da nossa parte, exterior também e profundidade quando foi precisa. O primeiro golo apareceu exatamente depois de alguma preparação e de percebermos que não havia espaço por dentro nem nos corredores: o Toni solicita um passe fantástico do Pepe. Acho que, em todos os momentos, no que preparámos do jogo, estivemos competentes. Na segunda parte houve uma reação natural do Tondela, mas sem uma ocasião de perigo".

Mexidas no onze antes do Chelsea: "Jogo bom da nossa parte, a meio de uma eliminatória importante e desgastante, com viagens e com um desgaste normal e natural de uns quartos de final da Liga dos Campeões. Por isso tentei também na frente dar alguma frescura à equipa e não foi a pensar no Chelsea, foi a pensar neste jogo. Precisávamos de gente que fizesse aquilo que muitas vezes o Evanilson e o Toni fizeram quando tínhamos a bola e, quando não a tínhamos, a cumprir o que pedi."

Gestão do esforço: "O Sérgio Oliveira teve um problema muscular e era arriscado jogar de início. Sabia que podia utilizá-lo algum tempo, não muito. Ainda não está totalmente recuperado. Está bem, estava bem para jogo, mas temos de ter atenção porque tem jogado muito esta época. Estávamos conscientes que não seria a melhor opção metê-lo a jogar de início. Os outros jogaram com mérito. Temos um grupo forte, competitivo, porque nós é que temos de correr atrás do prejuízo e olhamos para todos os jogos como uma final."

Luta pela I Liga: "Estamos a oito pontos do rival, agora a cinco sem que o Sporting tenha jogado, mas olhamos para todos os jogos do campeonato como finais e daí a minha confiança em toda a gente."

Que equipa vai apresentar contra o Chelsea? "Vou fazer como fiz hoje: escolher os melhores para iniciar o jogo. É sempre com o pensamento de dar o melhor à equipa para ganhar os jogos."

Um golo em cada metade permitiu ao FC Porto vencer em casa do Tondela 2-0 este sábado, em jogo da 26.ª jornada da I Liga de futebol, reduzindo para cinco pontos o atraso para o comandante Sporting. O espanhol Toni Martinez abriu as contas para os 'dragões', aos 19 minutos, tendo o iraniano Mehdi Taremi, aos 83 minutos, sossegado o conjunto 'azul e branco', que, na próxima terça-feira, disputa em Sevilha um encontro determinante, quando defrontar o Chelsea na segunda mão dos 'quartos' da Liga dos Campeões, tendo de recuperar de uma desvantagem de 2-0.

Com esta vitória, o FC Porto reforça o segundo lugar do campeonato, com 60 pontos, menos cinco do que o comandante Sporting, que ainda recebe no domingo o Famalicão, enquanto o Tondela é, para já, 11.º, com 28 pontos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.