Há um ano, Cissokho era um nome desconhecido do futebol e uma contratação de inverno no FC Porto, alvo de pouco mediatismo e relevância.

Passados seis meses, Cissokho tornava-se a transferência mais rentável do futebol português tendo em conta o preço que custou e o preço a que foi vendido, e hoje brilha no Olympique de Lyon.

Atento ao que se passa em Portugal, o francês lembra que o título é sempre o objectivo do FC Porto e que este ano não será excepção, lembrando com saudades os tempos passados no Dragão:

“No FC Porto aprendia gostar de vencer e a lutar por isso. É uma escola de futebolede vida”.

Cissokho deixa também uma palavra a Jesualdo Ferreira, o treinador que arriscou lançá-lo no estrelato.

“Foi uma pessoa decisiva na minha carreira. Devo-lhe muito e ele sabe isso.”

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.