Vários distúrbios e agressões a clientes da Área de Serviço da auto-estrada do Norte, em Antuã, levaram a GNR a apreender um autocarro e a conduzir os seus 21 ocupantes a Aveiro, onde foram identificados.

Dos 21, oito foram depois notificados para comparecer na segunda-feira no Tribunal de Ílhavo e um permanece detido, por ser alegadamente o instigador das agressões, indicou à agência Lusa o oficial de serviço ao Comando Operacional da GNR, sem esclarecer se este último suspeito será presente a interrogatório judicial também no mesmo dia.

Os primeiros desacatos ocorreram na Área de Serviço de Antuã, mas a apreensão do autocarro, devido à falta de chapa de matrícula, só ocorreu na A17, em Vagos, referiu anteriormente a GNR.

O autocarro dirigia-se para a Figueira da Foz, onde está a decorrer o jogo entre o Futebol Clube do Porto e a Naval 1º Maio, integrado na terceira jornada da Liga de Futebol.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.