Diego López, guardião que relegou Casillas para o banco quando o treinador do Real Madrid era José Mourinho, desejou boa sorte ao guarda-redes espanhol na nova etapa da carreira ao serviço do FC Porto.

Questionado pelos jornalistas durante a digressão do AC Milan pela China, o jogador "rossoneri" sublinhou que tem uma boa relação com o antigo companheiro de equipa.

"A hora de sair calha a todos, seja qual for a razão. Desejo-lhe o melhor no FC Porto. Tenho uma boa relação com Casillas e desejo-lhe o melhor", afirmou.

"Foi uma decisão dele e pouco mais há a dizer. Deu muito ao Real Madrid e isso não se pode negar", acrescentou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.