Jorge Jesus não escondeu a tristeza pela derrota do Benfica no Estádio do Dragão, por 1-2, que poderá ter entregado o campeonato ao FC Porto. 

«Senti que está mais difícil. Antes do jogo, como tínhamos dito, hoje só uma equipa sairia vencedora. As derrotas são todas iguais, mas esta custa muito, no último lance do desafio. É uma derrota que nos está a penalizar fortemente a nível emocional. Perdemos quando já ninguém esperava», disse o treinador dos encarnados após o jogo.

Sobre o jogo, o técnico salientou o equilíbrio. «Foram duas equipas que tentaram se anular ao máximo. Não houve grandes oportunidades de golo. Sentimos que podíamos sair daqui com o empate quando o jogo estava a terminar, mas o futebol tem destas coisas imprevisíveis. A equipa do FC Porto foi feliz e esta derrota deixou-nos profundamente sentidos. Competia ao Porto ser uma equipa com mais comando de jogo, porque só lhes interessava a vitória», explicou, acrescentando: «Jogámos sempre com uma organização defensiva quase perfeita. Custa muito perder assim.»

Confrontado com o 'fardo' de ter deixado escapar a vantagem de quatro pontos na Liga, Jorge Jesus assumiu o peso do insucesso neste jogo. «A responsabilidade é do treinador», sentenciou.

O FC Porto venceu esta noite o Benfica, por 2-1, e ultrapassou os encarnados na liderança da Liga, a uma jornada do fim. 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.