Está a ser um regresso em grande do Famalicão ao convívio dos 'grandes' do futebol português. A formação famalicense estreou-se em casa e venceu o Rio Ave por 1-0, somando assim a segunda vitória na prova, depois de ter batido o Santa Clara nos Açores por 2-0.

Este jogo marcou também a estreia do Rio Ave, de Carlos Carvalhal, na Liga, depois de ver a Liga adiar o seu jogo na semana passada frente ao Vitória de Guimarães, por falta de condições numa das bancadas.

Mas não foi o regresso desejado pelo técnico já que a sua equipa ficou reduzida a dez elementos aos 56 minutos, com a expulsão do central Messias. O jogador vila-condense derrubou Ruben Lameiras à entrada da área, quando este ia ficar isolado.

O golo da vitória surgiu aos 66 minutos, num pontapé-livre violento do defesa-central brasileiro Patrick William. Kieszek ainda tocou na bola mas não conseguiu evitar o golo.

O Rio Ave poderia ter empatado aos 92 minutos, numa grande penalidade de Timon sobre Mehdi. Mas o brasileiro Felipe Augusto rematou para fora.

Antes, Nuno Santos tinha estado perto do empate, num remate que foi devolvido pela barra, aos 85. Os vila-condenses chegaram a colocar a bola dentro da baliza do Famalicão aos 87 minutos, por Carlos Mané, mas o ex-Sporting estava em fora-de-jogo.

Com esta vitória, o Famalicão, orientado por João Pedro Sousa, lidera a prova com seis pontos, contando mais um jogo disputado, enquanto o Rio Ave, cujo jogo da primeira jornada frente ao Vitória de Guimarães foi adiado devido a um problema numa das bancadas do seu estádio, não tem ainda qualquer ponto.

Veja o resumo do jogo

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.