Michel Platini, presidente da UEFA,utilizou o FC Porto como exemplo para criticar o excesso de jogadores estrangeiros no futebol.

«Sou a favor da identidade local. Se o FC Porto está em Portugal, deveria jogar com jogadores portugueses, em vez de comprar noutros países», afirmou Platini, assumindo que não gostou da forte presença sul-americana na final da Liga Europa, disputada entre FC Porto e SC Braga.

Nas declarações, Platini criticou ainda a entrada de capital estrangeiro nos clubes, nomeadamente as compras de clubes ingleses ou franceses por empresários árabes ou norte-americanos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.