O FC Porto recebeu e venceu, esta segunda-feira, o Nacional da Madeira por 3-1, em encontro da 16.ª jornada da I Liga, disputado no Estádio do Dragão. Brahimi destacou-se ao apontar dois golos, enquanto Soares fez o outro.

Além dos três pontos conquistados, os Dragões passam a somar 18 triunfos seguidos, nas diversas competições, igualando o máximo da história em Portugal, uma marca que Jorge Jesus conseguiu na época 2010/11, ao serviço do Benfica.

Para este encontro no Dragão, o treinador portista fez uma alteração no onze inicial, em relação ao jogo ante o Desportivo das Aves, com Mbemba a render o castigado Felipe. O mais recente reforço do FC Porto, Fernando Andrade, vindo do Santa Clara, começou o jogo no banco de suplentes mas acabou ainda por fazer parte do jogo, tendo entrado aos 88 minutos.

Os primeiros minutos foram muito ‘cinzentos’, com poucas oportunidades de golo, tendo este surgido aos 32 minutos, pelos pés de Yacine Brahimi. Num ataque comandado por Maxi, o uruguaio descobriu Brahimi na esquerda e o argelino rematou cruzado para o primeiro da partida. Seis minutos depois, após um grande trabalho de Corona pelo flanco direito, cruzou e Soares cabeceou para o segundo golo azul e branco.

Porém, antes do apito para o intervalo, a equipa comandada por Costinha reduziu a desvantagem graças a um golo de Rochez.

A segunda parte começou com um grande susto dentro de campo, tendo ficado o jogo interrompido por mais de sete minutos para ser prestada assistência a Rosic, que ficou muito queixoso após um choque com o colega de equipa Lucas França. As equipas médicas dos dois clubes estiveram ao lado do jogador, que ficou estatelado no chão, e por fim foi chamada uma ambulância para levar o jogador em maca para o hospital, sob forte aplauso.

Aos 57 minutos, numa desmarcação de Corona para Brahimi, o argelino ajeitou e rematou de pé direito para o fundo da baliza, bisando na partida. Lucas França ainda tocou na bola mas sem sucesso.

O FC Porto passa a somar 42 pontos, mais seis do que o Sporting de Braga e mais sete do que o Benfica, enquanto o Sporting, derrotado hoje em Tondela (2-1), caiu para quarto, com 34, antes de receber os 'dragões' no sábado, na próxima jornada.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.