com o apoio MEO
Adere à fibra do MEO desde €29,99/mês. Exclusivo Online.

FIFA analisa queixa da Sampdoria contra o Sporting pela transferência de Bruno Fernandes

Este artigo tem mais de 2 anos
Italianos reclamam 10% da transferência do médio português para o Manchester United.
FIFA analisa queixa da Sampdoria contra o Sporting pela transferência de Bruno Fernandes
SAPO Desporto

Um porta-voz da FIFA confirmou em declarações à ESPN que o Sporting está a ser investigado pela transferência de Bruno Fernandes, depois dos italianos da Sampdoria terem apresentado queixa no organismo que tutela o futebol mundial.

"Podemos confirmar que, a 3 de abril de 2020, o clube italiano Sampdoria apresentou uma queixa junto da FIFA contra o clube português Sporting, relacionado com as obrigações financeiras estipuladas no contrato correspondente à transferência do jogador português Bruno Miguel Borges Fernandes", referiu, acrescentando que "o assunto está, neste momento, a ser investigado".

A Sampdoria quer receber 10% do valor das mais-valias recebidos pelo Sporting na venda de Bruno Fernandes ao Manchester United, contudo, o Sporting considera que o emblema italiano não tem direito a esse valor.

A cláusula dos 10% estava inscrita no primeiro contrato que Bruno Fernandes assinou com o Sporting em 2017, quando chegou a Alvalade oriundo precisamente da Sampdoria.

Contudo, depois do ataque à academia de Alcochete, o médio 'leonino' rescindiu unilateralmente o contrato com o Sporting e no regresso um novo contrato foi assinado, contrato esse que está a ser analisado pela administração do Sporting para perceber se os 10% continuam a ser devidos ou não.

Bruno Fernandes rumou ao Manchester United no passado mês de janeiro, por 55 milhões de euros, mais 46,5 milhôes (a mais-valia) que os 8,5 que o Sporting pagou em 2017 para assegurar o craque português.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Pergunta do Dia

Mais informações
Participou nesta votação.

Veja também

 
 

Comentários

Entre com a sua conta do Facebook ou registe-se para ver e comentar