As várias acções realizadas esta quinta feira visaram diversos clubes e associações desportivas ligados à prática do futebol na zona Centro, informa o SEF em comunicado, sem precisar quais exactamente.

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras identificou um total de 18 atletas estrangeiros e, além daquele que foi notificado para abandonar o país, outro terá de comparecer no SEF para verificação da sua "situação documental".

No âmbito da operação, foram ainda levantados processos de contra-ordenação a quatro entidades fiscalizadas, "por empregarem cidadãos estrangeiros, neste caso atletas, não autorizados a exercer actividade profissional", ficando aquelas sujeitas "ao pagamento de coimas cujos valores variam entre 2360 e os 11.788 euros".

As acções de fiscalização, que envolveram 10 inspectores do SEF, visam o combate à angariação e à contratação ilegal de atletas estrangeiros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.