Francisco J. Marques, diretor de comunicação do FC Porto, recorreu às redes sociais para apontar o dedo à arbitragem na partida entre Rio Ave e Benfica em Vila do Conde.

O dirigente portista destaca o lance entre Gabrielzinho e Florentino, onde os vilacondenses ficaram a pedir grande penalidade, e que acabaria por resultar no golo de João Félix no decorrer da jogada, dando o 2-0 às 'águias'.

"Depois de este penálti não ter sido assinalado, nem pelo árbitro, nem pelo VAR, transformando um possível 1-1 em 0-2, só falta saber qual dos dois receberá o prémio de arbitrar a final da Taça", escreveu Francisco J. Marques no Twitter.

Rui Moreira, presidente da Câmara Municipal do Porto, também se pronunciou sobre a arbitragem de Hugo Miguel, segundo indicou o jornal Record. "El Guito acaba de ser eleito o melhor jogador da liga", escreveu Rui Moreira no Facebook. Apesar do 'print screen' apresentado pela publicação, não há agora registo desse comentário na página do edil, podendo entretanto ter sido apagado pelo próprio.

Esta manhã, a newsletter Dragões Diário deu seguimento às críticas: "Quem é que irá apitar a final da Taça de Portugal? O árbitro que não viu este penálti claro que podia ter dado o 1-1 ao Rio Ave, mesmo antes do 2-0 em fora de jogo do Benfica, ou o videoárbitro que com acesso a tantas imagens não conseguiu ver falta nenhuma e um fora de jogo tão evidente? É que depois do que aconteceu no Dragão, em Moreira de Cónegos, na Feira e em Braga, há que premiar quem mantém a tendência de beneficiar o Benfica em todos os jogos disputados longe da Luz."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.