Líder da I Liga, o Sporting vai procurar evitar nova queda na terceira eliminatória, depois de ter sido eliminado pelo Alverca na época passada. O adversário é o Sacavenense, do Campeonato de Portugal, no 'emprestado' Estádio Nacional, em Oeiras.

Apesar de não jogar em casa, o Sacavenense, quinto classificado da Série E, quererá 'imitar' o Alverca e tentar afastar o emblema de Alvalade, que ainda não tem qualquer derrota nas provas internas esta temporada.

Na baliza, o espanhol Antonio Adán deverá fazer uma pausa, ele que foi titular nas primeiras setes jornadas da I Liga, e para o seu lugar vai o português Luís Maximiano, que ainda não se estreou esta época.

Na defesa, o treinador Rúben Amorim deverá continuar a apostar numa linha com três jogadores. Coates, que esteve a contas com uma tendinopatia no adutor direito, deverá estar apto para esta partida. O central uruguaio aporta experiência na defesa leonina, uma vez que ao seu lado, provavelmente, contará com dois jogadores menos 'rodados': o colombiano Cristián Borja (0 minutos até ao momento) e Antunes. O lateral português participou nas vitórias diante do Paços de Ferreira (2-0, 2.ª jornada) e o Portimonense (2-0, 3.ª jornada), assim como na derrota (4-1) para a Liga Europa, diante do LASK.

Nuno Mendes fez tratamento à lesão sofrida ao serviço dos sub-21. O lateral esquerdo de 18 anos sofreu uma contusão óssea no jogo de Portugal frente ao Chipre, tendo saído a meio do encontro, pelo que é quase certa a sua ausência.

João Mário, que precisa de mais minutos para voltar a afirmar-se no meio-campo leonino, deverá jogar desde o início contra o clube do Campeonato de Portugal. É verdade que o internacional português já leva 185 minutos jogados desde que regressou ao Sporting, mas Rúben Amorim quer ver mais do médio.

De forma a dar consistência e experiência no meio-campo, João Palhinha, que soma 426 minutos jogados, e Pedro Porro (577 minutos) devem manter a titularidade. Daniel Bragança, que soma apenas 88 minutos jogados na I Liga, deverá receber novamente um voto de confiança por parte do técnico leonino.

Quanto ao ataque, mantendo o sistema de três avançados, Gonzalo Plata, Tiago Tomás, Luiz Phellype deverão ser titulares. Plata, que marcou um golaço ao serviço da seleção do Equador, em jogo da quarta jornada do apuramento sul-americano para o Mundial de 2022, contra a Colômbia, chega ao jogo da Taça com o 'pé quente', enquanto o brasileiro Luiz Phellype fará a sua estreia esta época.

O jovem português Tiago Tomás, que soma quase 500 minutos entre I Liga e Liga Europa, deverá manter-se como artilheiro. O jovem português de 18 anos leva três golos esta temporada.

O desafio com o Sacavenense, do Campeonato de Portugal, a contar para a terceira ronda da Taça de Portugal, realiza-se às 21h15 de segunda-feira, no Estádio Nacional, em Oeiras.

Acompanhe a partida no SAPO Desporto

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.