Emprestado pelo Liverpool ao FC Porto no último dia do mercado de transferências em Portugal, o médio Marko Grujic confessou que esteve perto de rumar à Alemanha, onde na época passada havia alinhado, pelo Hertha Berlim, igualmente cedido pelos 'reds'.

"O treinador do Werder Bremen, Kohfeldt, é muito amigo de Klopp e estava a seguir a minha situação há muito tempo. Mas eu não via ali grandes perspetivas. O Borussia Monchengladbach era uma opção mais realista, mas acabou por não dar em nada", começou por dizer em entrevista ao jornal 'Alo', do seu país natal, a Sérvia.

O centrocampista de 24 anos explicou depois o porquê de ter optado por rumar ao FC Porto em detrimento da Bundesliga. "Queria estar num clube estável, ambicioso e que jogasse a Champions. Encontrei isso no FC Porto, que é realmente um grande clube. Enquanto esperava pelo voo da seleção para Oslo os detalhes ficaram todos acertados", esclareceu.

Sobre o seu momento, Grujic diz sentir-se em boa forma e olhou já para o calendário do FC Porto nos próximos tempos, apostado em poder dar o seu contributo à equipa 'azul e branca'. "Logo após a paragem para seleções vamos ter um clássico com o Sporting e, depois, vem a Champions, contra City, Marselha e Olympiakos. Acredito que vou lutar por lugar no 'onze' e contribuir para o sucesso da equipa", sublinhou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.