Vítor Pereira, treinador do Fenerbahçe, sonha em treinar um clube da Premier League. Numa entrevista concedida ao jornal O Jogo, o técnico português comentou ainda o forte investimento da equipa turca e falou da forma "louca" como o futebol é vivido no país.

Sobre os seus objetivos de carreira e o sonho em treinar um clube da Premier League: "Hei de chegar ao topo, não tenho dúvidas. Já estive três vezes para ir para lá, por isso qualquer dia acabo mesmo por ir. Tenho dois anos de contrato com o Fenerbahçe, espero fazer um bom trabalho, depois veremos".

"Quero chegar a um determinado nível, que me permita continuar a ter uma carreira ambiciosa e lutar por alguma coisa. Não quero entrar em Inglaterra só por entrar. Mas não quero falar muito disso estando no Fenerbahçe”, acrescentou.

Já em relação ao convite do Fenerbahçe e o forte investimento da equipa turca (já contrataram Nani e Van Persie), Vítor Pereira realçou a boa pressão de ganhar. "Tive outras propostas, mas optei pela Turquia, porque considerei o campeonato muito competitivo. Além disso as condições financeiras são boas e também me prometeram a capacidade de formar uma equipa forte. A obrigação é sempre ganhar, é a pressão que necessito para estar ao melhor nível”.

O técnico comentou ainda a forma como o futebol é vivido na Turquia. "Não consigo ir a um restaurante porque é impossível estar sossegado. Estive um pouco na piscina, que é do clube, e não consegui estar deitado na toalha muito tempo. E isto não é só para mim, é também para os jogadores. Nós gostamos de futebol em Portugal, mas aqui é demais”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.