Os jogos ainda por disputar da oitava jornada da I Liga portuguesa de futebol vão ser antecedidos de um minuto de silêncio “em sinal de respeito” pelas vítimas da tragédia na Indonésia, anunciou a Liga de clubes.

“A Liga Portugal associa-se à consternação pelos trágicos acontecimentos ocorridos no Estádio Kanjuruhan, na Indonésia”, pode ler-se em comunicado da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP).

Na mesma nota, a LPFP informa que, “em sinal de respeito pelas vítimas dos chocantes incidentes registados no final do Arema FC-Persebaya Surabaia”, os jogos por disputar referentes à oitava jornada da I Liga “serão antecedidos por um minuto de silêncio”.

A oitava jornada da I Liga prossegue hoje, com três jogos, e termina na noite de segunda-feira.

As autoridades indonésias disseram inicialmente que os tumultos ocorridos no final de um jogo de futebol em Java Oriental provocaram 174 mortos, mas o número oficial foi entretanto revisto para 125.

A tragédia ocorreu no sábado à noite, quando cerca de 3.000 adeptos invadiram o campo após a derrota da equipa da casa, o Arema FC, frente aos rivais do Persebaya Surabaya, por 3-2.

A polícia usou gás lacrimogéneo para tentar controlar os adeptos em fúria, mas a sua ação acabou por provocar o pânico, com milhares de pessoas a precipitarem-se para a saída.

Muitas das pessoas morreram espezinhadas no caos da debandada.

Nos tumultos, que se estenderam ao exterior do estádio, morreram pelo menos dois agentes da polícia.

O campeonato indonésio foi suspenso e as autoridades ordenaram um inquérito aos incidentes.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.