O treinador dos “leões” apenas bateu Jesus uma vez e na última época, quando o Vitória de Guimarães foi ao Estádio da Luz eliminar o Benfica da Taça de Portugal, na 4.ª eliminatória, com um golo do defesa brasileiro Lazaretti.

Além desse triunfo, Paulo Sérgio ainda conseguiu um empate a um golo, também em 2009/2010, na 2.ª jornada da 3.ª fase da Taça da Liga, na recepção, em Guimarães, aos “encarnados”. O brasileiro Douglas adiantou os vimaranenses no marcador e o internacional português Fábio Coentrão selou o empate.

Nos restantes encontros, Jesus faz o pleno. Em quatro jogos, ao serviço do Sporting de Braga e do Benfica, venceu sempre, com dois golos de diferença, os conjuntos orientados por Paulo Sérgio.

O primeiro confronto remonta a Agosto de 2008, na ronda inaugural da Liga 2008/09, com a visita dos bracarenses a Paços de Ferreira. O camaronês Meyong e o brasileiro Paulo César assinaram os tentos da formação de Jesus.

Na segunda volta, em Fevereiro de 2009, o resultado repetiu-se em Braga. O colombiano Renteria e Paulo César, novamente, foram os “carrascos” do conjunto pacense, de Paulo Sérgio.

No comando dos “encarnados”, Jorge Jesus conseguiu dois triunfos, por 3-1, sobre Paulo Sérgio, primeiro perante o Paços de Ferreira e depois diante do Vitória de Guimarães.

O campeão Benfica de Jorge Jesus, 13.º classificado com apenas três pontos, recebe domingo o Sporting de Paulo Sérgio, 5.º com sete, no primeiro “derby” da temporada, a contar para a quinta jornada da Liga portuguesa de futebol.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.