José Sá, guarda-redes do FC Porto, foi suspenso pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol na sequência do cartão vermelho direto que viu após o fim da partida frente ao Paços de Ferreira, que os ‘portistas’ perderam por 1-0.

O órgão liderado por José Manuel Meirim considerou que o guardião dirigiu palavras ofensivas ao árbitro do encontro Bruno Paixão.

“Muitos parabéns pela excelente vitória que conseguiste aqui, tu e a tua equipa”, pode ler-se no relatório de Bruno Paixão, que considerou esta expressão ofensiva e que colocou em causa a sua honra e dignidade.

O Conselho de Disciplina aplicou ainda uma multa de 1.148 euros a José Sá.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.