Lima esteve perto de regressar ao Benfica no passado verão. A confirmação foi dada pelo mesmo, em entrevista ao jornal O Jogo, que disse ter recebido um convite de Luís Filipe Vieira para integrar o plantel 'encarnado'.

"No início da temporada, o presidente, Luís Filipe Vieira, quando soube que eu tinha sido operado pela segunda vez, telefonou-me e perguntou-me como é que eu estava. Disse-lhe a verdade: 'olhe presidente, ainda vou demorar algum tempo'. Mesmo assim ele insistiu, confiou em mim, mas depois não seguimos em frente com o negócio", referiu o jogador, que explicou aquilo que correu mal.

"O Benfica precisava de um jogador para o imediato e eu não estava pronto. Fizeram-me exames ao joelho e os médicos, naturalmente, devem ter tido algum receio, eu compreendo, e acabámos por não concluir a negociação. Depois, voltei ao Brasil e agora cá estou a recuperar para voltar a cem por cento".

Existiram rumores de que o jogador poderia assinar pelo Sporting ou FC Porto, algo liminarmente recusado pelo atacante 'canarinho'.

"Isso estava fora de questão. Nem pensar. FC Porto e Sporting que me desculpem. Tenho todo o respeito por ambos, mas em Portugal só jogaria no Benfica. Por tudo o que passei no clube, pelo envolvimento que tive com as pessoas, os adeptos, não jogaria em nenhum dos rivais. Não seria viável".

Atualmente sem clube, o avançado de 34 anos quer continuar a carreira, depois de recuperar de uma cirurgia à cartilagem de um joelho.

"Sou um jogador livre. Tive probblemas no Dubai com o meu contrato, mas o processo está na FIFA e julgo que vou poder assinar por outro clube qualquer em breve. Nesta altura, estou num superclube que é o Corinthians, que me está a ajudar a recuperar de lesão e a quem estou muito agradecido por me ter aberto as portas".

Lima passou por vários clubes brasileiros antes de ter a primeira experiência em Portugal. Foi em 2009/2010 que o jogador foi emprestado pelo Astral ao Belenenses. Ao serviço do clube do Restelo, realizou 32 jogos, onde fez 12 golos e duas assistências.

A boa época fez com que fosse transferido para o SC Braga a custo zero. Esteve duas épocas ao serviço do clube bracarense, onde fez 98 partidas, marcando 40 golos e fazendo 15 assistências.

Em 2012/2013, transferiu-se para o Benfica por quatro milhões de euros. Cumpriu três épocas ao serviço dos 'encarnados', realizando 145 partidas, marcando 70 golos e 24 assistências.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.