Relativamente ao futebol português e à última temporada, Mano Menezes destacou futebolistas brasileiros a atuar em Portugal, considerando Jonas, do Benfica "como um jogador de topo".

"Jonas havia ido comigo para a seleção, já tinha trabalhado com ele no Grémio e é um jogador de topo, de muitos recursos de finalização e é um jogador versátil, que permite a um treinador fazer variantes táticas dentro de um sistema", afirmou.

O técnico que comandou o 'escrete' entre 2010 e 2012, também analisou o percurso de Talisca, com quem ficou surpreendido com as suas primeiras prestações em Portugal.

"Talisca foi uma surpresa para nós brasileiros, pela maneira como chegou a Portugal e assumiu um protagonismo imediato no Benfica, mas talvez o segundo momento que está a viver seja mais real, temos de esperar para ver", reiterou.

O treinador teceu elogios a Danilo, Alex Sandro e Casemiro, que na temporada passada alinharam no FC Porto, considerando que fazem parte "da nova geração de futebolistas brasileiros".

"Danilo afirmou-se numa posição que não era muito da sua preferência, mas evoluiu muito e é disputado pelos melhores clubes do mundo. Sobre Alex Sandro, dizemos no Brasil que não cruza a bola para os outros, mas sim que passa a bola para eles, e quanto a Casemiro era um jogador que não tinha tanta avaliação dos outros no Brasil, mas veio para a Europa e vai ganhando esse respeito baseado na produção dentro de campo", concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.