O treinador do Vitória de Setúbal, Manuel Fernandes, afirmou hoje que desconfia sempre das fragilidades das equipas “grandes”, mas acredita que poderá vencer de novo o Sporting, segunda-feira, para a 14ª jornada da Liga de futebol.

“As equipas ‘grandes’ nunca estão fragilizadas. Quando nós pensamos que isso acontece, de um momento para o outro as coisas alteram-se. Lembro-me que, há muitos anos, o Benfica não tinha perdido nenhum jogo com o Sporting. O Sporting estava fragilizado e deu sete ao Benfica”, lembrou.

Manuel Fernandes prosseguiu: “É sempre de desconfiar destas fragilidades das equipas grandes e eu estou desconfiado com elas. Não estou preocupado com as fragilidades, porque qualquer jogador do Sporting tem classe para resolver jogos”.

A derrota do Sporting em Sófia, com o Levski, no jogo da Liga Europa, também não serve de referência ao treinador do Vitória de Setúbal, que espera uma equipa totalmente diferente no Bonfim.

“Este resultado do Sporting com o Levski não me diz nada porque foi uma equipa totalmente diferente da que vai jogar aqui para o campeonato”, disse, acrescentando: “Tanto o Paulo (Paulo Sérgio, treinador do Sporting) como eu, vamos fazer algumas modificações, quer em termos de jogadores quer em termos de estratégia”.

O técnico sadino, que falava na habitual conferência de imprensa antes dos jogos, espera que o jogo de segunda-feira seja “equilibrado”, a exemplo do que aconteceu nos oitavos de final da Taça de Portugal, que os sadinos venceram por 2-1.

“Julgo que vai ser um jogo idêntico ao da Taça, sem supremacia de nenhuma equipa. Espero que tenhamos a eficácia que tivemos no último jogo, em fomos mais eficazes do que o Sporting”, disse.

Manuel Fernandes lembrou a noite da Taça: “Penso que ganhámos o jogo naquela fase decisiva em que marcámos dois golos em cinco minutos. Depois foi jogar e controlar as situações, sem dar muitas hipóteses de golo ao Sporting”.

Mas, se o Vitória de Setúbal tiver de enfrentar algumas dificuldades no jogo com o Sporting, Manuel Fernandes espera que o guarda-redes Diego esteja ao mesmo nível do jogo da semana passada, em que só não se conseguiu opor a um remate indefensável de Liedson.

“Espero que o nosso guarda-redes esteja à altura, como este no jogo da Taça de Portugal. É nestas alturas que aparecem os grandes guarda-redes”, disse.

O Vitória de Setúbal está no 14º lugar da tabela classificativa da Liga de futebol, com 13 pontos, menos nove do que o Sporting, quarto classificado com 22.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.