Petit assumiu que pediu a dois dos seus jogadores que forçassem o amarelo frente ao Feirense, de modo a falhar o jogo com o Benfica e assim estarem aptos para o que resta do campeonato. Depois da vitória sobre o Feirense, o técnico do Marítimo confessou que pediu a Edgar Costa e Joel Tagueu que forçassem o quinto amarelo, para cumprirem o jogo de castigo na Luz e assim ficarem 'limpos' para os quatro jogos que restam aos madeirenses, na sua luta pela manutenção.

Essa atitude de Petit já mereceu várias críticas, por o técnico ter poucas esperanças de vencer na Luz mas também há quem defenda que tomou a decisão certa, na defesa dos interesses do Marítimo. Por isso, o treinador e os dois jogadores que forçaram o amarelo não deverão ser castigados uma vez que os regulamentos da Liga não contemplam este tipo de casos.

Petit admite ter forçado amarelos antes da visita ao Benfica
Petit admite ter forçado amarelos antes da visita ao Benfica
Ver artigo

O técnico deverá ser multado, ao abrigo do artigo 167 do regulamento da prova, relativo à inobservância de outros deveres. Já Joel Tagueu e Edgar Costa não terão qualquer tipo de castigo.

Este caso não passaria impune se estivéssemos perante uma prova organizada pela Federação Portuguesa de Futebol. O artigo 168, número 4 do regulamento disciplinar deste organismo contempla este tipo de situações: "o jogador que, por qualquer forma, provoque propositadamente a exibição de cartão amarelo ou vermelho por parte do árbitro, é sancionado com suspensão de 1 a 3 jogos", diz o artigo. Ou seja, Edgar Costa e Joel Tagueu podiam ser castigados com um a três jogos, caso tivessem forçado o amarelo numa prova organizada pela FPF, como Taça de Portugal, por exemplo.

Os regulamentos da UEFA também não deixam passar em claro estas situações. Recentemente o órgão disciplinar deste organismo puniu o mexicano Corona com um jogo de suspensão, por entender que o jogador do FC Porto forçou um amarelo na 5.ª jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões, para assim ficar disponível para os oitavos-de-final. A UEFA teve outro entendimento e o mexicano apanhou mais um jogo de castigo, falhando assim o jogo da primeira-mão dos oitavos-de-final da prova com a AS Roma em Itália.

Marítimo vence 'lanterna-vermelha' Feirense e sobe ao 10.º lugar
Marítimo vence 'lanterna-vermelha' Feirense e sobe ao 10.º lugar
Ver artigo

Também Sérgio Ramos, do Real Madrid, apanhou um jogo de suspensão após admitir que forçou um amarelo para estar disponível frente ao Ajax na Holanda. Viria a receber mais um jogo de castigo, pelo que falhou o jogo da segunda-mão no Bernabéu, onde a sua equipa perdeu por 4-1 e foi eliminado. Na época passada, Dani Carvajal, jogador do Real Madrid, também foi punido com um jogo de castigo por ter foçado um amarelo na Champions.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.