Os jogadores do Moreirense, da I Liga portuguesa em futebol, apontaram hoje a manutenção como principal objetivo para uma temporada 2016/17 que acreditam que será "difícil", mas "desafiante".

Em declarações aos jornalistas no final do primeiro treino da pré-época, o capitão da equipa minhota, André Micael, admitiu que a chegada de um novo treinador - Pepa, ex-Feirense, substituiu Miguel Leal no comando técnico dos 'cónegos' - "causa sempre novas rotinas", mas vincou o "desafio" de uma nova temporada.

"O objetivo passa por garantir a manutenção o mais rapidamente possível. Tentar fazer uma época consistente. As épocas são sempre diferentes e difíceis, mas vamos fazer o melhor trabalho possível", disse o defesa de 27 anos.

Já o brasileiro Cauê, que regressa ao campeonato português depois de ter representado o Hapoel Telavive, de Israel, e de passagens pelo Azerbaijão e pela Roménia, explicou que aceitou o convite do Moreirense, porque "em Portugal se sente em casa", e, questionado sobre objetivos, também apontou a permanência.

"Temos de conseguir a manutenção o mais rápido possível e ficar tranquilos. Sabemos que é uma liga competitiva", disse o médio de 27 anos, que assinou com os minhotos por duas temporadas.

Pedro Rebocho, que alinhava na equipa B do Benfica, também é um dos oito 'reforços' confirmados no Moreirense, tendo apontado a estreia na I Liga como "um grande desafio".

"Considero que este foi um passo em frente. Pretendo evoluir e, depois de nove anos de Benfica muito bons, decidi tentar a I Liga, que é sempre o sonho de um jogador. O grande objetivo é a afirmação neste escalão", disse o defesa de 21 anos.

Depois de Palhinha (médio) e Iuri Medeiros (avançado), ambos do Sporting, mas que alinharam no Moreirense a título de empréstimo na época passada, o clube de Alvalade cedeu o médio de 21 anos Francisco Geraldes, que hoje recordou as "excelentes prestações" dos colegas 'leoninos'.

"Têm números fantásticos aqui e quero contribuir como eles fizeram. O objetivo é regressar ao Sporting com mais força depois de disputar uma Liga competitiva e com um nível de exigência muito grande", disse.

O Moreirense, que ficou em 12.º lugar na última época, iniciou hoje os trabalhos para a temporada 2016/17 com 23 jogadores, oito dos quais 'reforços' e com quatro atletas à experiência.

O jogo de apresentação aos sócios está agendado para o dia 30 julho, pelas 18:00, com o Paços de Ferreira.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.