O treinador do Vitória de Guimarães, Moreno, afirmou hoje esperar “um jogo de grau de dificuldade elevadíssimo” diante do Paços de Ferreira, no sábado, para a nona jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Após interromper o ciclo de sete vitórias consecutivas com que o líder Benfica abriu o campeonato – 0-0 na oitava jornada -, a equipa minhota tentou preparar a deslocação à ‘capital do móvel’ com “o mesmo rigor e a mesma disciplina” dos encontros anteriores, até porque, segundo o técnico, “todos os jogos da I Liga são difíceis”.

“A preparação assentou em perceber para o grau de dificuldade de amanhã [sábado], e o grau de dificuldade é elevadíssimo. Esse é o ponto de partida para conquistarmos os três pontos”, realçou, na antevisão à partida marcada para as 20:30, no Estádio Capital do Móvel.

O treinador frisou até que o “grau de dificuldade” do embate com os pacenses é o “mesmo” da receção ao Benfica, apesar de reconhecer que o próximo embate vai exigir “coisas diferentes”, nomeadamente mais posse de bola e “mais oportunidades” de golo.

Moreno avisou também que “olhar para a classificação” é “o pior” que o Vitória, nono da tabela, com 11 pontos, pode fazer, tendo lembrado que os ‘castores’, penúltimos, com dois pontos, têm jogadores e uma equipa técnica, liderada por César Peixoto, com “competência”.

“Vamos encontrar uma equipa que não tem os pontos que idealizava nesta jornada, mas reconhecemos que tem uma equipa técnica competente. A prova disso é o fantástico trabalho do César na época passada. O Paços tem um misto de jogadores experientes e de jovens com muito talento, que serão certezas do nosso campeonato em breve”, referiu.

O ‘timoneiro’ reconheceu ainda que pode operar mudanças na equipa titular, face à “confiança” que nutre por todos os elementos do plantel.

“Poderão existir mudanças, porque confiamos em todos [os jogadores]. A prova disso é que já foram quase todos utilizados. A confiança da nossa equipa técnica é total. O grau de dificuldade é elevado, mas o jogo vai pedir coisas diferentes [do jogo com o Benfica]. E os nossos jogadores têm características diferentes uns dos outros”, projetou.

O Vitória de Guimarães, nono classificado, com 11 pontos, defronta o Paços de Ferreira, 17.º, com dois, em jogo agendado para as 20:30 de sábado, no Estádio Capital do Móvel, em Paços de Ferreira, com arbitragem de Nuno Almeida, da Associação de Futebol do Algarve.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.