Vítor Pereira e o FC Porto regressa ao campeonato nacional, onde ocupa o segundo lugar, atrás do líder Benfica, depois da paragem para os compromissos com as seleções para defrontar a Académica de Pedro Emanuel.
«Espero um bom jogo. Da nossa parte, queremos dar um sinal claro de força e luta pelos nossos objetivos. Sabemos o que queremos. A Académica está necessitada de pontos e a querer mostrar qualidade perante os seus adeptos», começou por dizer, esta quinta-feira, Vítor Pereira, na conferência de imprensa de antevisão, que se realizou no Centro de Treinos do Olival.
O atraso de quatro pontos para o primeiro lugar, e a sete jornadas do fim do campeonato, não provocam «ansiedade» no treinador portista, pelo menos é o que garante.
«Não sinto ansiedade. É a nossa obrigação, como equipa, jogar em Coimbra para ganhar. É a nossa obrigação perante nós próprios. O que está em jogo no sábado é um título. Espero um sinal forte de caráter e personalidade da nossa equipa», afirmou.
«Este campeonato é decidido já no próximo sábado, e em cada jogo que falta», acrescentou.
A paragem para os compromissos com as seleções precedeu-se após um empate do FC Porto na ilha da Madeira: «A paragem depois de um empate nunca nos satisfaz, porque queremos voltar às vitórias o mais rápido possível».
O tema “João Moutinho” e a sua utilização pela seleção portuguesa incomodou o presidente do FC Porto e a inquietação de Pinto da Costa irritou o selecionador Paulo Bento. Para Vítor Pereira, cada um manda na casa que pode.
«Eu faço a gestão dos jogadores enquanto cá estão. Quando saem daqui deixam de estar debaixo da minha gestão. Quanto ao Moutinho, que não pudemos contar com eles nos últimos jogos, sei que vem com vontade de jogar, e por isso vamos ver um Moutinho ao melhor nível», explicou Vítor Pereira.
«Em relação ao nosso presidente não esperaria outras coisa, ele defende as cores do nosso clube. A partir do momento em que o João Moutinho está ao nosso dispor, cabe-me gerir a melhor condição física dele. Teve só um dia para recuperar, portanto ainda não trabalhou completamente integrado connosco», avaliou.
O FC Porto, segundo classificado com 57 pontos, visita, este sábado às 18h15, a cidade de Coimbra para defrontar a Académica (12.ª com 21 pontos), em desafio da 24.ª jornada da I Liga.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.