No final do Rio Ave-FC Porto, ganho pelos vila-condenses por 3-1, Sérgio Conceição deixou críticas ao que considerou ser antijogo por parte do adversário, mas as estatísticas oficiais parecem apontar noutro sentido.

De acordo com o site da Liga Portugal, a partida em Vila do Conde foi a que teve mais tempo útil jogado esta época, entre os encontros dos azuis e brancos: 59 por cento (58:02 minutos). Um valor superior aos 53:04 minutos (54 por cento) jogados no clássico com o Sporting (3-0), aos 53:37 minutos (53 por cento) na vitória em Vizela (1-0) ou aos 50:37 minutos (51 por cento) na goleada ao Marítimo (5-1).

A acrescentar a estes dados oficiais, o técnico do Rio Ave aproveitou para responder a Sérgio Conceição, lembrando que até agora (faltam dois jogos para fechar a ronda), a receção aos 'dragões' foi a que teve mais tempo útil entre os sete já realizados na quarta jornada.

"O Rio Ave tem três jogos entre os 10 que tiveram mais tempo útil na I Liga. Aliás, este foi o jogo com mais tempo útil da jornada. Por isso, não se deixem iludir com coisas que não interessam, porque somos fortes candidatos a ser das equipas com mais tempo útil nos jogos", vincou Luís Freire.

De recordar que este foi o primeiro triunfo do Rio Ave na presente edição da I Liga, que marca o regresso ao principal escalão, graças aos dois golos de Aziz, aos 22 e 43 minutos, e de Pedro Amaral, aos 33. Os dragões ainda reduziram nos descontos por Toni Martínez, já depois de Taremi ter desperdiçado uma grande penalidade.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.