O treinador do FC Porto elogiou hoje a reação da equipa que conseguiu recuperar de uma desvantagem e vencer o Vitesse por 2-1, em jogo da segunda e última jornada do torneio de futebol Fox Sports, disputado na Holanda.

“Há que destacar a reação, a equipa estava atrás no marcador, conseguiu reagir e acabar por conseguir a vitória”, afirmou Nuno Espírito Santo, em declarações à SportTV.

O técnico portista considerou que nesta pré-época é essencial “gerir os tempos dos jogadores, tentar crescer nos processos para quando chegar a competição a equipa estar mais forte”.

No entanto, Nuno Espírito Santo considerou que com este triunfo, dois dias depois da derrota por 3-0 com o PSV Eindhoven, não deve fazer a equipa desviar-se da sua preparação.

“Não há euforias, há o sentimento de que é preciso treinar, melhorar e criar espírito de entreajuda para fortalecer a equipa”, afirmou o técnico, que justificou como “opção técnica” a não utilização de alguns jogadores.

Golos de Corona, aos 78, e André Silva, aos 83 na conversão de uma grande penalidade, garantiram hoje o triunfo do FC Porto sobre o Vitesse, que inaugurou o marcador aos 18 minutos, por intermédio de Lewis Baker.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.