Um Paços de Ferreira ainda sem reforços e com várias ausências deu hoje início à temporada futebolística 2021/22, com a realização do primeiro de dois dias de exames médicos, antecedendo o primeiro jogo de preparação, no domingo.

O facto mais saliente do primeiro dia da nova época na Capital do Móvel foi a ausência de reforços, a anunciar em breve, e de vários dos elementos da época passada, a maioria deles brasileiros e por estarem a cumprir quarentena.

O guarda-redes Jordi, o central Maracás e os avançados Lucas Silva, Uilton e Douglas Tanque chegaram a Portugal há alguns dias, mas só deverão ser reintegrados até ao final da semana, cumprido o isolamento profilático exigido face à pandemia de covid-19. O mesmo deverá acontecer com o médio argentino Cristian Parano, reforço de janeiro dos ‘castores'.

Chegam mais tarde, devidamente autorizados pela direção pacense, o cobiçado Stephen Eustáquio, que esteve a representar o Canadá na qualificação para o Mundial2022, a disputar no Qatar, e o brasileiro Luiz Carlos.

Compareceram ao primeiro de dois dias de exames médicos os seguintes jogadores: o guarda-redes José Oliveira, os defesas Jorge Silva, Fernando Fonseca, Marcelo, Marco Baixinho e David Suahele, os médios Ibrahim, Diaby e Matchoi e os avançados Hélder Ferreira, Adriano Castanheira, Dor Jan e João Pedro.

A estes elementos que transitaram da época passada, juntaram-se o guarda-redes brasileiro James (ex-Montalegre), os defesas Luís Bastos, Nuno Lima (ambos ex-FC Felgueiras 1932) e Simão Rocha (ex-Real) e os avançados Sam Silvera (ex-Sanjoanense) e Pedro Martelo (ex-Badajoz).

A exceção relativamente aos jogadores que estavam emprestados pelo Paços foi Bernardo Martins, que estava cedido ao Sporting da Covilhã.

Deixaram o clube: Michael Fracaro (guarda-redes) e Pedro Marques (defesa). A estes juntam-se o defesa pedro Rebocho, os médios Bruno Costa, Martín Calderón e João Amaral e o avançado Luther Singh, todos após empréstimo.

O plantel este ano às ordens de Jorge Simão, que substituiu Pepa no comando técnico, inicia os trabalhos de campo na quarta-feira, numa pré-temporada que será realizada nas instalações do emblema nortenho.

Até ao início oficial da época, que para o ‘europeu' Paços de Ferreira arranca em 31 de julho, com a Taça da Liga (a estreia na nova competição europeia, a Liga Conferência Europa, acontece na terceira pré-eliminatória, com jogos em 05 e 12 de agosto), a formação pacense irá realizar um total de sete encontros particulares.

O primeiro está marcado para a manhã de domingo, em Paços de Ferreira, em horário ainda a definir, frente à equipa de sub-19.

Estão ainda agendados particulares frente a Varzim, Vizela, Arouca, Santa Clara, Marítimo e Sporting de Braga, em dias e horários a divulgar.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.