O selecionador português, Paulo Bento, marcou hoje presença no lançamento do livro do antigo “magriço” António Simões, a quem elogiou, considerando-o «um dos melhores futebolistas portugueses de sempre».

«Estamos a falar de um dos grandes jogadores do nosso futebol, do mais novo campeão europeu, que fez parte de grandes equipas quer em termos de clube quer de seleção», disse Paulo Bento.

O selecionador luso não viu jogar ao vivo António Simões, «ao contrário de jogadores de outras gerações posteriores», mas acompanhou a carreira do autor do livro «através de imagens», o que lhe permitiu formar a ideia de que se tratou de «um jogador de grande talento e qualidade individual que fez dele um dos melhores portugueses de sempre».

Do que Paulo Bento se recusou a falar foi sobre a circunstância de o médio brasileiro Fernando, do FC Porto, já ter adquirido a nacionalidade portuguesa e estar disponível para a seleção lusa:

«Há que respeitar este momento, que pertence àquele que foi uma das grandes figuras do futebol português. Não respondo a nenhuma pergunta sobre a seleção.»

Já o atual diretor da FPF, Humberto Coelho, confessou a sua «admiração pessoal e profissional» por António Simões, a quem qualificou como «um dos melhores dribladores do Mundo».

«Para mim, o Simões significa parte da minha vida, não só profissional como social. Quando cheguei ao Benfica, ele e o Coluna eram os grandes capitães, aprendi a escola do que era o Benfica e do que era ganhar», disse

Humberto Coelho, que considerou, ainda, António Simões «um grande exemplo na parte social, enquanto capitão».

Questionado sobre se a eventual convocatória de Fernando depende única e exclusivamente do critério técnico do selecionador, foi taxativo:

«Sim, Paulo Bento convoca quem entender e cabe-lhe a ele decidir.»

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.