“Vimos de duas vitórias importantes, queremos dar continuidade a esses resultados, mas vamos enfrentar uma equipa de grande qualidade. Em termos individuais e coletivos, são muito fortes. Não perdem há seis jogos, têm estado bem no nosso campeonato, mas vamos com ambição de querer fazer um bom resultado e discutir o jogo”, disse.

Em conferência de imprensa de antevisão, realizada no Estádio Nacional, em Oeiras, Petit enumerou os pontos fortes do Rio Ave, mas frisou que o Belenenses SAD trabalhou bem durante a semana para contrariar o estilo de jogo dos vilacondenses.

“Estivemos a estudá-los bem. [O Rio Ave] É uma equipa com boas dinâmicas, com uma saída a três, com dois médios de muita qualidade, o Tarantini e o Filipe Augusto, o Nuno Santos e o Diego Lopes a fazerem os corredores, saem muito rápido para a transição. Trabalhámos esses aspetos todos”, realçou.

As ausências na defesa continuam a obrigar Petit a mudar o bloco mais recuado dos ‘azuis’, mas o treinador, de 43 anos, confia em todos os jogadores para darem “uma boa resposta” quando são chamados a jogo.

“Os jogadores têm trabalhado sempre, eles sabem o que pretendemos, a concorrência e o trabalho diário são saudáveis para que possam chegar ao jogo e dar o seu melhor. Estamos muito contentes com a evolução que estamos a ter nestas seis semanas”, afirmou.

O avançado Alhassane Keita, de 27 anos, regressou apenas esta semana ao Belenenses SAD, após empréstimo ao Al Riffa, do Bahrein, devido a problemas burocráticos, mas Petit sublinhou que o guineense pode ser já chamado para a partida de Vila do Conde.

“É um jogador experiente, que esteve cá no ano passado. As dinâmicas são diferentes, mas, se for chamado para o jogo, dará uma boa resposta, apesar de só ter três treinos connosco, mas cada vez mais os jogadores adaptam-se à equipa. É mais um para nos vir ajudar”, expressou.

Petit abordou ainda a eliminação das quatro equipas portuguesas presentes nos 16 avos de final da Liga Europa – FC Porto, Benfica, Sporting e Sporting de Braga -, deixando Portugal sem nenhum representante numa fase precoce da temporada.

“Não é normal as quatro equipas saírem da Liga Europa. Atualmente, o futebol está assim, toda a gente trabalha bem, as equipas reforçam-se bem. Temos de analisar o que este ano correu mal na Liga dos Campeões e na Liga Europa”, lamentou.

Belenenses SAD, 15.º classificado, com 24 pontos, e Rio Ave, quinto, com 36, defrontam-se sábado, às 18:00 horas, no Estádio dos Arcos, em Vila do Conde, num encontro que terá arbitragem de Jorge Sousa, da Associação de Futebol do Porto.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.