Pinto da Costa, presidente do FC Porto, reagiu esta segunda-feira ao anúncio de uma nova Superliga Europeia, na qual se chegou a noticiar que os dragões poderiam fazer parte.

O líder dos azuis e brancos revelou que existiram contatos informais de clubes, mas que o FC Porto não deu atenção aos mesmos, explicando as razões.

"Primeiro, a União Europeia não permite que haja um circuito fechado de provas como há na NBA. Segundo, estando a nossa federação contra isso e fazendo parte da UEFA, enquadrado nesse quadro, não podemos participar numa coisa que é contra as regras da União Europeia e UEFA", disse, citado pelo jornal 'O Jogo'.

O presidente do FC Porto tem dúvidas que a ideia avance em frente, afirmando que o clube não está preocupado com a mesma.

"Não estamos preocupados. Estamos na Champions e esperamos continuar a estar por muitos anos", concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.