150 euros em prendas. Foi o que foi decidido na Assembleia Geral extraordinária da Liga que votou por maioria o valor pelo qual as ofertas a árbitros constituem corrupção. O valor ficou fixado em 150 euros. Metade do que aparece nos regulamentos da UEFA.

Esse valor diz respeito a artigos regionais ou de merchadising.

A decisão ficou aprovada com 27 votos a favor, 15 contra e duas abstenções.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.